Quantcast
Retalho

25% da Sonae MC vai para a bolsa

Dona do Continente com o “crescimento anual mais elevado” dos últimos dez anos

A Sonae anunciou esta quarta-feira (19 de setembro) que vai mesmo avançar com a IPO (oferta inicial e admissão à negociação) da Sonae MC. A operação deverá arrancar ainda no quarto trimestre do ano, com a empresa a revelar que pretende colocar 25% do seu negócio de retalho alimentar em bolsa, mantendo-se na posição de acionista maioritário.

Na nota publicada na CMVM, a Sonae indica que irá oferecer uma participação minoritária a investidores não qualificados, estando a operação ainda dependente da aprovação das autoridades competentes. A empresa diz também que tem “como objetivo atingir um ‘free-float’ mínimo de aproximadamente 25%” e que esta operação deverá trazer “maior visibilidade à valorização da Sonae MC” e uma “redução do desconto de holding do grupo”.

Ângelo Paupério, Co-CEO da Sonae SGPS, sublinha que “após quase 60 anos de história, a Sonae SGPS continua a estar totalmente alinhada com as suas raízes e os seus princípios de criação de valor económico para os negócios, pessoas e sociedade. O IPO da Sonae MC é mais um passo que demonstra a capacidade do grupo para criar valor para os acionistas e conceder às sociedades do seu portefólio a independência necessária para continuar a cumprir as suas ambições de crescimento. O Conselho de Administração e eu acreditamos que esta Oferta será uma oportunidade única para os investidores num mercado de retalho alimentar em crescimento e, especialmente, no líder do sector em Portugal.”

Já Luís Moutinho, CEO da Sonae MC, acrescenta que “estamos muito satisfeitos com o anúncio do IPO da Sonae MC, o qual surge num momento muito interessante para a Sociedade. A nossa paixão pelo negócio de retalho alimentar, o nosso empenho em nos adaptarmos constantemente às necessidades do consumidor e o nosso relacionamento privilegiado com fornecedores, colaboradores e outros parceiros fizeram de nós o líder neste mercado atrativo e competitivo. O nosso objetivo é continuar a seguir uma estratégia centrada no consumidor para sustentar um papel de crescimento e perfil de rentabilidade acima do mercado num período de forte expansão da nossa rede de lojas, o qual nos vai permitir estar ainda mais próximos de todos os portugueses. Acreditamos que o IPO marca o início de uma nova e importante etapa na nossa história da Sonae MC e estamos ansiosos por alavancar as oportunidades de crescimento que temos pela frente.”

Em 2017, o volume de negócios da Sonae MC atingiu um total de 4055 milhões de euros, o que representa uma taxa média anual de crescimento de 5,6% desde 2015. No primeiro semestre deste ano, por sua vez, a Sonae MC arrecadou vendas de 1906 milhões de euros, mais 7,2% do que em igual período em 2017.

 

Atualmente, a Sonae MC conta com uma rede de 567 lojas de retalho alimentar e 487 lojas de formatos adjacentes, com a companhia a prever abrir, este ano, 18 lojas Continente Bom Dia e quatro lojas Continente Modelo.