Quantcast
Distribuição

Trabalhadores dos supermercados anunciam greve

Alimentaria&Horexpo recebe ‘3º Fórum de Distribuição - Retalho 20-30’

Os trabalhadores dos híper e supermercados irão fazer greve amanhã (1 de maio). Por detrás da paralisação está a reivindicação de melhores salários, mais respeito pelos seus direitos e o respeito pelo feriado do Dia do Trabalhador.

A greve foi convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores e Técnicos de Serviços, Comércio, Restauração e Turismo (SITESE), que anuncia greve à prestação de trabalho para os trabalhadores dos setores do Comércio, Escritórios e Serviços, nomeadamente nas empresas filiadas na APED (Aldi, Intermaché, Dia, Minipreço, IKEA, Lidl, Continente, entre outros).

 

No início do mês, a APED emitiu um comunicado onde defendia que “a intransigência dos sindicatos do setor da distribuição nas negociações do novo Contrato Coletivo de Trabalho tem dificultado a criação de condições que reforcem a relação entre trabalhadores e empresas.”

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever