Quantcast
Sustentabilidade

Pingo Doce permite que clientes utilizem embalagens próprias em toda a loja

Pingo Doce passou a aceitar recipientes dos clientes para o acondicionamento de produtos de peixaria, talho, padaria, take away e charcutaria.

Em resposta à entrada em vigor da lei sobre as embalagens para refeições prontas a consumir, o Pingo Doce passou a aceitar recipientes dos seus clientes para o acondicionamento de produtos de peixaria, talho, padaria, take away e charcutaria, indo “além da obrigatoriedade imposta”.

“Com esta medida, queremos continuar a reduzir o uso de embalagens de utilização única e promover a reutilização por parte dos nossos clientes, incentivando a mudança de comportamentos para práticas mais sustentáveis, uma responsabilidade de todos”, afirma a Diretora de Marketing do Pingo Doce, Maria João Coelho.

De acordo com o relatório de progresso de 2020 do “New Plastic Economy Global Commitment” – iniciativa liderada pela Fundação Ellen MacArthur –, o Grupo Jerónimo Martins é um dos poucos retalhistas alimentares a nível mundial a divulgar publicamente a quantidade de plásticos de uso único da sua responsabilidade.