Quantcast
Sustentabilidade

Marca Kitkat quer tornar-se neutra em carbono até 2025

A Kitkat, uma das marcas de chocolate mais conhecidas do mundo, comprometeu-se em tornar-se neutra em carbono até 2025.

A Kitkat, uma das marcas de chocolate mais conhecidas do mundo, comprometeu-se em tornar-se neutra em carbono até 2025. Em comunicado, a marca detida pela Nestlé revela que tem como objetivo reduzir em mais de 50% as emissões de carbono geradas através do abastecimento das matérias-primas, da fabricação dos produtos e da sua distribuição.

“A maioria das emissões ocorre durante a produção das matérias-primas do chocolate Kitkat, como o cacau e o leite. A marca reduzirá essas emissões ao máximo, através de inúmeras iniciativas como a regeneração das florestas e o apoio à transição para a agricultura regenerativa”, explica a marca. Caso certas emissões não possam ser eliminadas, a marca pretende investir em projetos compensatórios.

Entre os objetivos em curso para atingir a meta estão:

  • Alargar o seu trabalho junto dos produtores de cacau, óleo de palma (de origem sustentável), cereais, açúcar e laticínios para implementar práticas regenerativas, apoiando a plantação de cinco milhões de árvores, de onde obtém o seu cacau, até 2025.
  • Usar 100% de eletricidade renovável em todas as fábricas de produção, antes do final de 2025.

Atualmente, em conjunto com a The Carbon Trust, uma consultora global ligada à sustentabilidade e às alterações climáticas, a Kitkat está a medir a sua pegada de carbono atual, processo que deverá concluir no final do ano.