Quantcast
Retalho

Jerónimo Martins paga prémio extraordinário de 55 milhões aos seus colaboradores

A Jerónimo Martins confirmou esta semana que investiu 55 milhões de euros para fazer um pagamento extraordinário de um prémio aos seus colaboradores de Portugal, Polónia e Colômbia.

De acordo com o anunciado, este prémio extraordinário abrangeu 80 mil colaboradores das operações (na sua maioria lojas e centros de distribuição) em Portugal, Polónia e Colômbia, tendo o valor sido pago em abril e refletindo o “reconhecimento do trabalho e do contributo destes colaboradores para os resultados obtidos em 2021.”

 

Em Portugal, este prémio extraordinário foi de 550 euros, tendo sido atribuído a mais de 21 mil colaboradores, num investimento superior a 11 milhões de euros.

“Em 2021, o Grupo investiu mais de 25 milhões de euros em remuneração variável para os colaboradores das operações em Portugal e cerca de 5 milhões de euros em programas de responsabilidade social que visam auxiliar os seus colaboradores (um aumento de 44% face aos 3,2 milhões de euros investidos em 2020). Na totalidade dos prémios pagos aos colaboradores nas três geografias, o Grupo Jerónimo Martins investiu 217 milhões de euros (equivalente a c.70% dos lucros obtidos no ano anterior)”, sintetiza o grupo em comunicado.