E-commerce

Amazon vai deixar experimentar roupa antes de comprar

E a marca mais valiosa do mundo passa a ser a Amazon

Aqueles que ainda não compram roupa online apontam quase sempre o mesmo problema: a impossibilidade de experimentar a roupa antes de comprar. Mas a Amazon está decidida a colocar um ponto final a este problema, permitindo que os consumidores encomendem várias peças de roupa para experimentar sem cobrar absolutamente nada.

O Prime Wardrobe, como se vai chamar o serviço, permitirá encomendar entre 3 a 15 peças de vestuário de cada vez sem que para isso seja necessário comprar. Depois de experimentadas as peças, a Amazon cobrará apenas as peças com as quais o consumidor decidir ficar depois de devolver as restantes na caixa nas quais foram entregues.

De acordo com a imprensa internacional, o serviço deverá ser disponibilizado apenas aos subscritores do Prime, que por uma subscrição anual de 99 dólares têm acesso a entregas gratuitas, um serviço de vídeo streaming e outros benefícios.

Os analistas acreditam que com esta jogada, a Amazon conseguirá tornar-se no maior retalhista de vestuário dos Estados Unidos da América, sobretudo numa altura em que cada vez mais marcas anunciam o encerramento de lojas físicas.

Esta notícia surge poucos dias depois de ter sido conhecida a compra da Whole Foods pela Amazon, por um total de 12 mil milhões de euros, uma decisão que coloca o gigante de e-commerce também numa posição confortável no negócio da distribuição alimentar.

3 Comments