Quantcast
Produção

Super Bock e Sagres são as marcas de cerveja preferidas dos portugueses

cerveja

Super Bock e Sagres são as marcas de cerveja que os portugueses mais consomem, nas categorias de cerveja branca, preta e com sabores. Esta é uma das conclusões do mais recente estudo inMarket2020, desenvolvido pela Multidados – the research agency.

Nas cervejas sem álcool, Super Bock e Sagres destacam-se novamente com as taxas de preferência a rondarem os 44% e 34%, respetivamente, aparecendo a alguma distância a Heineken (7%) e Estrella Galicia (1%). Relativamente às Sidras, as marcas de eleição são Somersby (68,1%), Bandida do Pomar (17,3%) e Strongbow (11%), sendo que os sabores preferidos são maçã (58%), frutos vermelhos (17,6%) e limão (16,5%). Já na categoria de cervejas artesanais, as marcas preferidas são Vadia (3%), Musa (2,8%) e Sovina (2,2%).

A cerveja branca é a mais consumida pelos portugueses (86,6%), seguindo-se cerveja preta (49,8%) e com sabores (38,3%). As sidras são consumidas por 60,1% dos inquiridos e a cerveja artesanal por 44,4%. A cerveja sem álcool apenas reúne a preferência de 22,4% dos inquiridos.

Multidados - Estudo Cervejas_2

Segundo este novo estudo, os principais momentos de consumo de cerveja são churrascos (73,2%), saídas com amigos (71,6%), convívios caseiros (69%), festas, bares e discotecas (65,8%) e ao jantar (47%). Os motivos apontados para o consumo passam pelo sabor (68,4%), o facto de ser uma bebida refrescante (65,5%) e o preço (33,5%).

37,3% dos portugueses afirmam que só bebem cerveja aos fins-de-semana no âmbito de consumo social. Relativamente ao consumo doméstico, 44,6% dos inquiridos indicam que compram esta bebida uma vez por mês.