Retalho

Portugal com 2.ª maior subida nas vendas a retalho na zona euro

Portugal com 2.ª maior subida nas vendas a retalho na zona euro

Portugal registou, segundo o Eurostat, a segunda maior subida nas vendas a retalho na zona euro no mês de outubro de 2018, quando comparado com o mês anterior de setembro, cifrando-se este aumento nos 2,3%.

Esta foi, aliás, a segunda maior subida registada pelo gabinete estatístico da EU, ficando Portugal somente atrás da Eslovénia, que obteve um aumento de 7,9% face a setembro deste ano, aparecendo em terceiro lugar a Áustria com um incremento de 1,6% nas vendas a retalho.

Do lado das descidas, os países nórdicos foram os mais penalizados, com a Finlândia (-2%), Dinamarca e Suécia (ambos com 1,2%) a registarem as maiores quebras face ao mês de setembro de 2018.

De resto, na comparação do mês de outubro com setembro de 2018, a zona euro verificou uma subida de 0,3%, enquanto na Europa a 28, o crescimento foi menor (0,1%).

Na análise anual do Eurostat (outubro 2018 vs outubro 2017), o crescimento das vendas a retalho de Portugal cifrou-se nos 5,1% quando na zona euro aumentaram 1,7% e na UE28 2,1%. Nesta comparação, os países que registaram maiores evoluções foram a Eslovénia (+13,3%), Irlanda (+8,4%) e Lituânia (+7,3).

Já no campo das descidas anuais, os dados do Eurostat destacam Malta (-2,3%), Finlândia (-1%) e Luxemburgo (-0,3%).