Quantcast
Tecnologia

Covid-19 impulsiona digitalização dos meios de pagamento

Meios de pagamento e

A covid-19 está a impulsionar a digitalização dos meios de pagamento, revelou a Minsait Payments, filial de meios de pagamento da Minsait.

De acordo com o X Relatório de Tendências de Meios de Pagamento, mais de 50% da população adulta bancarizada internauta de todos os países analisados reduziu ou abandonou o pagamento com numerário, um dado que em Portugal sobe para 73,9%.

Neste contexto de transição, o cartão continua a ser o principal meio de pagamento para compras em todos os países, enquanto continuam a crescer os pagamentos móveis, as carteiras digitais e os pagamentos a partir da conta. Portugal registou uma considerável subida na preferência pelo pagamento com cartão (58,8% em 2020 vs 47,7% em 2019) face a outros meios.

Além disso, o uso de cartões contactless na maioria dos países foi maior do que o uso através da inserção no terminal. Desta forma 56% dos portugueses utiliza cartões contactless para efetuar os pagamentos nos terminais de ponto de venda (POS).

Outro dos efeitos da Covid-19 é as compras online. Portugal lidera a lista dos países europeus, com 46,9% dos portugueses a assumir fazer compras online com mais frequência.

O estudo foi realizado com a colaboração de Analistas Financeiros Internacionais (AFI) e incluiu as opiniões de mais de 80 executivos do sector bancário e mais de 4.400 inquéritos a clientes bancários de Portugal, Espanha, Itália, Reino Unido e América Latina, além dos números oficiais publicados pelos diferentes reguladores.

O relatório está disponível aqui.