Quantcast
Sustentabilidade

Consumidores online querem embalagens de roupa mais sustentáveis

Uma nova pesquisa, realizada pela Smurfit Kappa, revela que os consumidores exigem às marcas embalagens mais sustentáveis ao realizarem compras de moda e acessórios online. A pesquisa foi realizada em quatro países europeus – Alemanha, Irlanda, Holanda e Reino Unido – e revelou, também, que 41% dos compradores online de moda e acessórios adotaram hábitos mais sustentáveis ao comprar as últimas tendências desde o início da pandemia da covid-19.

De acordo com a pesquisa, quase metade dos consumidores compra artigos de moda e acessórios uma vez ou mais por mês e esta é uma tendência crescente, tanto para mulheres (44%) como para homens (43%).

O inquérito revelou ainda que os consumidores estão a tomar decisões cada vez mais conscientes quando compram artigos de moda e acessórios online, afirmando que adotaram medidas nos últimos seis meses para garantir que as suas compras são o mais sustentáveis possível.

Em relação às preocupações dos consumidores em termos de sustentabilidade, 25% dos consumidores de moda e acessórios afirmam que investigaram uma marca online para avaliar o seu nível de sustentabilidade; 35% dos consumidores de moda e acessórios declararam que não comprariam online a uma empresa de moda se soubessem que a sua embalagem não era sustentável e 23% dos inquiridos voltaram a comprar uma marca de roupa, baseando-se nas suas credenciais de sustentabilidade.

O inquérito assinala também que os consumidores enfrentam alguns entraves à adoção de hábitos mais sustentáveis, como a falta de informação acessível (34%), a falta de opções sustentáveis (32%) e o custo (30%).

Segundo a pesquisa, mais de metade dos inquiridos (57%) comentaram que gostariam de conhecer mais detalhadamente os esforços dos vendedores online de moda e acessórios para conseguir embalagens sustentáveis.

As embalagens sustentáveis

De acordo com a Smurfit Kappa, o estudo refere, ainda, que “é mais provável que os consumidores de moda e acessórios considerem que a sustentabilidade da embalagem influi mais na avaliação positiva da sua compra do que as técnicas tradicionais de marketing”.

A maioria dos inquiridos afirma que o uso eficiente de materiais (62%), o uso de materiais sustentáveis (61%) e ver as credenciais de sustentabilidade de uma marca (56%) contribuem para criar uma avaliação positiva da sua compra online quando recebem a encomenda. Dois terços dos consumidores (66%) afirmam que os vendedores de moda online têm a responsabilidade de garantir que a sua embalagem é sustentável.

“Os resultados indicam a grande influência que pode ter a embalagem nos compradores e nas suas decisões de compra, já que, para as marcas que priorizam a sustentabilidade, a embalagem pode representar uma oportunidade de fidelizar clientes, enquanto as empresas que não cumprem as expectativas poderão sofrer as consequências”, refere Arco Berkenbosch, vice-presidente de Inovação e Desenvolvimento da Smurfit Kappa.

Em resposta ao crescimento atual do comércio online e às expectativas dos consumidores, a Smurfit Kappa aumentou a sua gama de embalagens sustentáveis desenhadas para o mercado de vendas online de artigos de moda e acessórios.