Produção

Nestlé acelera esforços na transparência total da cadeia de abastecimento

Nestlé acelera esforços na transparência total da cadeia de abastecimento

A Nestlé anunciou recentemente que divulgará a lista de fornecedores, juntamente com uma variedade de dados, das suas 15 commodities prioritárias, constituindo esta a primeira iniciativa do género no setor. Esta decisão acelerará, segundo a companhia, os esforços da empresa para alcançar a transparência total da cadeia de abastecimento, cobrindo essas commodities 95% do fornecimento anual de matérias-primas da empresa.

“Os consumidores querem saber o que está nos seus alimentos e de onde vêm. Portanto, a transparência nas nossas cadeias de abastecimento é essencial e continuaremos a liderar nessa área. Após a divulgação pública das nossas cadeias de fornecimento de óleo de palma e papel e celulose no ano passado, temos a satisfação de divulgar informações sobre a cadeia de fornecimento de soja, carne (carne bovina, suína, borrego), avelãs e baunilha”, salienta Magdi Batato, vice-presidente executiva da Nestlé, em nota de imprensa.

“Em meados de 2019, também publicaremos as informações da cadeia de abastecimento para os nossos outros produtos prioritários, que incluem frutos do mar, coco, vegetais, especiarias, café, cacau, laticínios, aves domésticas, ovos, cereais e açúcar”, acrescentou.

A divulgação inclui a lista de fornecedores diretos (nível 1), localizações a montante e país de origem, bem como o volume total originado para cada mercadoria.