Sustentabilidade

Tetra Pak ultrapassa as 500 mil milhões de embalagens certificadas pelo FSC

Tetra Pak ultrapassa as 500 mil milhões de embalagens certificadas pelo FSC

A Tetra Pak já comercializou mais de 500 mil milhões de embalagens com o selo do Forest Stewardship Council (FSC) a nível mundial, o que significa um importante marco no percurso da empresa na promoção de soluções de fornecimento responsáveis e que contribuam para uma economia circular com baixas emissões de carbono.

Tendo a Tetra Pak lançado, em 2007, a primeira embalagem no mundo com a certificação FSC em parceria com a J Sainsbury, o número de embalagens com o selo do FSC aumentou continuamente ano após ano, verificando-se uma aceleração nos últimos três anos. Com o meio ambiente a figurar no topo das exigências dos consumidores, espera-se que este aspeto venha a ter ainda mais relevo nos próximos anos.

Em Portugal, todas as embalagens comercializadas pela Tetra Pak já são fabricadas com cartão certificado pelo FSC e de outras fontes controladas e cerca de 72% já apresentam o selo do FSC nas embalagens. “Estamos a trabalhar para incorporar o selo do FSC em todas as embalagens, é muito importante informar os consumidores acerca da origem responsável do cartão utilizado no fabrico das embalagens. Por vezes, é complicado por falta de espaço na embalagem, mas vamos no bom caminho e esperamos terminar este ano com 90% das embalagens na Ibéria com o selo do FSC”, afirma Ingrid Falcão, customer sustainability expert da Tetra Pak Ibéria.

A realidade de os consumidores procurarem estas certificações no momento da compra é uma tendência crescente, tendo o número de consumidores a afirmarem que o fazem sempre e frequentemente aumentado de 37%, em 2013, para 54%, em 2019.

Os mais recentes estudos da Tetra Pak demonstram que existe um cada vez maior interesse dos consumidores pelas questões ambientais: um em cada dois consumidores procuram agora os logotipos de certificação ambiental nos produtos que compram.

Reconhecida como a certificação padrão mais importante do mundo para a gestão florestal, o selo do FSC permite aos consumidores escolherem as marcas que estão comprometidas com a sustentabilidade florestal. Cerca de 30% dos consumidores, a nível mundial, afirmam ter visto ou ouvido falar sobre a certificação FSC.

A colaboração com os consumidores é um aspeto chave em direção à sustentabilidade ao longo de toda a cadeia de valor. Do lado de que utiliza as embalagens da Tetra Pak, ou seja, os fabricantes, Han PhamNgoc, category procurement manager na Friesland Campina, acredita que “o feito da Tetra Pak contribui para o nosso objetivo de fornecer cartão 100% certificado até 2020. O aumento da certificação FSC permite-nos reforçar as nossas metas de alcançar produtos livres de qualquer processo de desflorestação e de uma reduzida pegada de carbono global. Iremos continuar a colaborar com a Tetra Pak no aumento do fornecimento responsável de forma a melhorar a rastreabilidade a montante no processo da cadeia de fornecimento”.

“A utilização de fontes responsáveis é uma área crescente de sinergias com os nossos clientes”, refere, por sua vez, Igor Popovic, global account director da PepsiCo na Tetra Pak, acrescentando que “foi definido um roadmap rumo ao objetivo de ter todos os volumes para a PepsiCo certificados pelo FSC, tendo sido completado no início deste ano. Estas ações permitem a ambas as empresas contribuírem para uma gestão florestal sustentável e para a promoção do envolvimento dos consumidores nesta jornada”.

Mario Abreu, vice-presidente da Tetra Pak para a área da Sustentabilidade, salienta que, “tendo alcançado a certificação da Cadeia de Fornecimento do FSC para todas as nossas operações, podemos agora fornecer embalagens com o selo do FSC a partir de qualquer parte do mundo. As alterações climáticas e a escassez de recursos estão a impactar a sociedade e a indústria alimentar. O FSC apoia diretamente a meta da gestão florestal sustentável traçada no âmbito dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas, contribuindo também para o cumprimento de outras metas definidas pelos ODS. No futuro, vamos garantir que todos os fornecedores estão comprometidos com o aumento e sustentação dos volumes certificados pelo FSC acima dos 70%”.