Sustentabilidade

Kaffa e projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’ juntam-se para reciclar sacas de café

Kaffa e projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’ juntam-se para reciclar sacas de café

A sacas de café da portuguesa Kaffa vão ganhar uma nova vida e ser transformadas em sacos e aventais pelo projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’. Juntas, as organizações pretendem reciclar e reutilizar sacas de café de serapilheira, com a primeira produção a seguir em breve para Amesterdão, onde marcará presença com a Kaffa na feira PLMA: World of Private Label.

Madalena Moniz Pereira, Business Manager da Kaffa, revela que “em média, entram na Kaffa diariamente cerca de cinco toneladas de café, em sacas de 60 quilos. O volume que utilizamos é enorme e não faz qualquer sentido, nos dias de hoje, não pensar em alternativas de reutilização. Formada a ideia, o desafio era conseguir concretizá-la. Foi nessa altura, que pensamos em incorporar a este projeto de reciclagem um outro que sempre nos encantou pela sua forte componente social, singularidade e inovação: ‘A Avó Veio Trabalhar’”.

Juntas, as organizações pretendem desenvolver e produzir seis novos produtos: quatro tipos de sacos (de diferentes dimensões) e dois tipos de aventais. Os produtos, oferecidos pela Kaffa em campanhas promocionais, vão estar também disponíveis para venda na loja online da Kaffa.

Kaffa e projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’ juntam-se para reciclar sacas de café

Ângelo Campota, do projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’, acrescenta que “foi com muito gosto que abraçámos este desafio da Kaffa. Uma marca nacional, 100% portuguesa e que, tal como nós, defende e apoia a portugalidade, o design e a inovação”.

O projeto ‘A Avó Veio Trabalhar’ é um espaço criativo de co-criação artesanal para pessoas com mais de 65 anos e que arrancou em 2014 com 12 avós, contando hoje com mais de 70 avós. O objetivo é usar o design e os trabalhos domésticos para empoderar e aumentar o poder de intervenção comunitária dos participantes.