Quantcast
Retalho

IKEA passa a disponibilizar apenas pilhas recarregáveis             

A IKEA deixou de comercializar as pilhas alcalinas, no âmbito dos objetivos estabelecidos na sua estratégia de sustentabilidade.

A IKEA deixou de comercializar as pilhas alcalinas, no âmbito do cumprimento dos objetivos estabelecidos na sua estratégia de sustentabilidade. A partir de agora, a retalhista disponibiliza apenas pilhas recarregáveis e respetivos carregadores.

A IKEA estima, segundo explicado em comunicado, que se todos os clientes optassem por pilhas recarregáveis, recarregando-as 50 vezes, ocorreria uma redução global de resíduos de até cinco mil toneladas por ano. Este valor aumentaria, uma vez que as pilhas LADDA têm a possibilidade de serem carregadas até 500 vezes.

 

“A decisão de eliminar as pilhas alcalinas da gama da IKEA está em linha com a nossa missão de contribuir para um melhor futuro do planeta, nomeadamente através da implementação de produtos e soluções circulares. Sabemos que há muitas pessoas que utilizam pilhas em vários aparelhos domésticos e todos podemos beneficiar se a utilização de pilhas recarregáveis for a nova realidade”, explica a responsável de sustentabilidade da IKEA Portugal, Ana Barbosa.

Cada pilha demora entre 500 a mil anos a decompor-se, se não for encaminhada corretamente para a reciclagem, segundo a Sociedade Gestora de Resíduos de Pilhas e Acumuladores.