Economia

Economia nacional continua em rota de crescimento

consumo

O Produto Interno Bruto (PIB) nacional registou um crescimento de 2,8 pontos percentuais no primeiro trimestre deste ano, um valor que superou as expetativas dos analistas. Os números foram revelados pelo Instituto Nacional de Estatística esta segunda-feira (15 de maio) e mostram que este é o melhor registo desde o quarto trimestre de 2007.

No último trimestre do ano passado, a economia nacional já tinha crescido 2%. Agora, segundo o INE, “esta aceleração resultou do maior contributo da procura externa líquida, que passou de negativo para positivo”. Para além disso, os dados agora publicados mostram que para este desempenho contribuíram também as exportações de bens e serviços, que cresceram mais do que as importações.

O INE diz ainda que “a procura interna manteve um contributo positivo elevado, embora inferior ao do trimestre precedente, verificando-se uma desaceleração do consumo privado e uma aceleração do Investimento.”

Comparando o primeiro trimestre deste ano com o último trimestre de 2016, a economia nacional cresceu 1%.