Quantcast
Sonae

WRC2012: Tlantic nomeada para “Retail Innovation of the Year” (entrevista)

WRC2012: Tlantic nomeada para "Retail Innovation of the Year" (entrevista)

A empresa do universo Sonae, Tlantic, está nomeada para os World Retail Awards na categoria de “Retail Innovation of the Year” através da sua aplicação para retalho “Mobile Retail Suite”. A decisão do júri será conhecida hoje à noite (20 de setembro) durante a gala de entrega dos World Retail Awards. A DISTRIBUIÇÃO HOJE falou com Paulo Magalhães, CEO da Tlantic sobre esta nomeação.

P&R a Paulo Magalhães, CEO da Tlantic

Como é que chegam a finalistas dos World Retail Awards?

 

Houve uma candidatura a estes prémios. Como se sabe a Sonae é uma empresa muito comprometida com a inovação, em todos os campos. Acredita na sua estratégia inovadora e está muito atenta à sua comunicação para fora e daí candidatar-se regularmente aos palcos mais relevantes. E entendeu que o World Retail Congress é um espaço relevante e fez a candidatura aos World Retail Awards com este produto que é muito inovador, seguiu o processo normal e há umas semanas foi anunciado que está entre os finalistas com candidatos como a Tesco, McDonald’s e Walt Disney, o que já é uma grande honra. Esta aplicação já foi premiada, em 2010, com o “Best instore solution”, pela alemã DHI, e no ano passado venceu o CIO Award dado pela IDC.

Como avalia o percurso e os ganhos da aplicação da Tlanti??

 

Tudo passa, no fundo, por ter uma solução valiosa para o retalho e ter uma aplicação que evidência aquilo que o software pode fazer quando bem aplicado no negócio. No caso da Sonae é paradigmático, com uma aplicação que traz a mobilidade na gestão das lojas em todo o tipo de insígnias do grupo. Isso tem trazido ganhos em áreas como a operação de loja, através de maior produtividade, eficácia e aumento de vendas.  Só como exemplo, estimamos que os colaboradores que utilizam esta aplicação andem menos 10 quilómetros por dia do que antes. Pois, têm a informação que necessitam no bolso e podem apoiar o cliente em várias questões.
O software e a sua aplicação tem ganhos totais, incluindo menores custos menos quebras e ganhos de produtividade, na ordem dos 10 milhões de euros para a Sonae.

Em Portugal só têm como cliente o grupo Sonae. e internacionalmente?

 

Somos uma empresa aberta ao mercado em Portugal e procuramos clientes fora da Sonae. Internacionalmente temos o Pão de Açucar no Brasil, que é nosso cliente na mobilidade, a Mass Market na África do Sul, na Irlanda temos como cliente a Musgrave.

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever