- Distribuição Hoje - https://www.distribuicaohoje.com -

Mercadona põe fim aos sacos de plástico

Até abril de 2019, a Mercadona vai substituir, em todas as suas lojas, os sacos de plástico [1] atuais por sacos recicláveis e reutilizáveis, dando por terminado um processo iniciado em 66 lojas em 2018.

Os atuais sacos de plástico serão, assim, substituídos por sacos de papel, ráfia e sacos reutilizáveis e recicláveis, com a insígnia a assegurar que serão reaproveitadas 3 mil toneladas de plástico procedente de embalagens recuperadas nas suas lojas. “Esta última trata-se de uma alternativa que implica que clientes, colaboradores e fornecedores tenham colaborado para o lançamento desta iniciativa de Economia Circular, onde o uso de recursos, redução, reutilização e reciclagem têm prioridade para prolongar a vida útil dos materiais e evitar que acabem em aterros.”

“O objetivo é implementar essa medida, que começou em 2018 em 66 lojas localizadas em Valência, Bizkaia, Barcelona, Cantábria, Ilhas Baleares, Ceuta e Melilha, para o resto da cadeia de forma progressiva”, acrescenta ainda a Mercadona.  A expansão começará durante o mês de fevereiro na Catalunha, Madrid e Navarra, e expandir-se-á até chegar às mais de 1600 lojas em Espanha em meados de abril.

A Mercadona revela ainda que instalou uma nova peça de mobiliário para os sacos de plástico utilizados pelos ‘chefes’ nas secções de frescos, equipadas com um novo sistema que dispensa os sacos de forma a reduzir o desperdício de plástico. “O mecanismo de reposição é mais fácil e mais intuitivo do que o anterior, facilitando esta tarefa para o trabalhador da secção. Desta forma, espera-se que estes sacos sejam substituídos por outros de material compostável antes de 2021”, acrescenta.

Recorde-se que é já em julho que a Mercadona abre a sua primeira loja [2] no mercado português, uma das dez previstas para o ano de 2019.