Quantcast
Retalho

“Mais Ajuda” apoia projetos de inovação social de apoio aos idosos em 333 mil euros

MaisAjuda resultados e

As candidaturas para a segunda edição do “Programa Mais Ajuda” já abriram e tem 333 mil euros para apoiar concorrer projetos de apoio aos idosos, com respostas aos desafios desta população.

O objetivo da iniciativa – que junta ao Lidl as rádios Renascença, RFM e Mega Hits, em parceria com a Beta – é procurar novas respostas ao desafio do envelhecimento assim como desafiar o terceiro setor a desenvolver e aprofundar boas práticas, aproximando duas realidades distintas – IPSSs – Instituições Particulares de Solidariedade Social (ou equiparadas) e Startups (ou empresas de empreendedorismo social) que tenham em comum projetos/ serviços de apoio a idosos. Os projetos com capacidade de geração de emprego serão beneficiados na avaliação.

Entre os vários candidatos, serão selecionados 10 vencedores, – 5 projetos de IPSSs e 5 projetos de Startups, recebendo cada um deles o valor de 33.300 euros para implementação da sua proposta.

Os selecionados vão também ter acesso a um programa de aceleração, onde, ao longo de seis semanas, terão sessões de mentoria com especialistas em gestão, tendo igualmente acesso a ferramentas de apoio no desenvolvimento dos seus projetos ou implementação de novas ideias.

A equipa de júri responsável por esta seleção é composta por Filipe Almeida, presidente da iniciativa Portugal Inovação Social, Isabel Figueiredo, adjunta do presidente do Grupo Renascença Multimédia, Luís de Melo Jerónimo, diretor Social Cohesion Programme da Fundação Calouste Gulbenkian, Pedro Rocha Vieira, CEO e Co-fundador da Beta-i e Vanessa Romeu, diretora de Comunicação Corporativa do Lidl Portugal.

A primeira edição do “Programa Mais Ajuda”, reuniu mais de 700 candidaturas de projetos de inovação social. Três IPSSs e três Startups receberam 150 000 euros.