Quantcast
 

Louis Vuitton continua a liderar top ten das marcas mais valiosas do mundo

Louis Vuitton dá a Ponte de Lima 500 postos de trabalho

A Louis Vuitton mantém-se como a marca de luxo mais valiosa do mundo. A Hermès surge agora em segundo lugar depois de um crescimento de 61% em um ano, segundo um estudo da Millward Brown Optimor BrandZ 2012.

Pelo sétimo ano consecutivo a fabricante de malas francesa foi eleita a marca de luxo mais valiosa, valendo cerca de 20,3 mil milhões de euros, um crescimento de 7% face ao ano passado, adianta o Diário Económico.

A Hermès, em que a Louis Vuitton detém uma participação, vale agora quase 15 mil milhões, com um crescimento de 61% face ao período homólogo de 2011.

 

A encerrar o pódio está a Rolex, insígnia de relógios suíça, vale mais de 5,5 mil milhões de euros e cresceu 36% em um ano.

“O luxo é visto como um bom investimento e as pessoas optam cada vez mais pela compra de peças clássicas, em vez de alta moda”, defende o Nick Cooper diretor da Millward Brown Optimor. “Quem tem rendimento disponível, incluindo jovens profissionais que, cada vez mais são incapazes de comprar casas, estão a gastar o seu dinheiro em luxo acessível”.

 

A Chanel ficou em quarto lugar, enquanto a Gucci figura no quinto, tendo caído 14% para pouco mais de cinco mil milhões de euros.

A Prada estreou-se na lista ao ocupar o sexto lugar. Já nos restantes lugares figuram a Cartier e a marca de champanhes Moët & Chandon, sétima e oitava posição, respetivamente, ficando a Burberry em décimo lugar, com um valor de 3,3 mil milhões de euros, um aumento de 21% em relação ao ano anterior.

 

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever