Retalho

Jerónimo Martins pretende abrir entre “100 a 150 lojas” por ano na Polónia

Jerónimo Martins ultrapassa os 17 mil milhões de euros em vendas

Apostada em continuar a crescer naquele que é já o seu mercado mais forte, a Jerónimo Martins pretende abrir entre “100 a 150” novas lojas por ano na Polónia. A notícia foi avançada esta semana pelo jornal polaco Business Insider Polska.

De acordo com Pedro Soares dos Santos, Presidente do Grupo Jerónimo Martins, a meta de abertura de “100 a 150” novas unidades por ano, nos próximos anos, é uma resposta ao crescimento de vendas naquele mercado nos últimos anos.

Apesar da proibição de comércio ao domingo, na Polónia, as insígnias polacas da Jerónimo Martins, como a Biedronka, estão a conseguir compensar as vendas nos restantes dias da semana. “A Biedronka está a ser capaz de compensar 70% do volume de negócios perdido aos domingos. Estamos a perder os 30% restantes”, explica Pedro Soares do Santos.

Outra das apostas da empresa para a Biedronka passa por um reforço da oferta de frescos e de refeições prontas a consumir nas lojas. Atualmente, as vendas de frescos correspondem a 40% do total das vendas da Biedronka, mas a insígnia pretende aumentar esse valor para 70%.