Quantcast
Retalho

Grupo Jerónimo Martins torna-se um dos maiores acionistas da Andfjord Salmon

Grupo Jerónimo Martins torna-se o maior acionista da Andfjord Salmon

O Grupo Jerónimo Martins investiu 16,8 milhões de euros na aquisição de 10,1% da empresa norueguesa de produção sustentável de salmão Andfjord Salmon, tornando-se assim num dos maiores acionistas da empresa.

“O projeto da Andfjord Salmon está focado no uso eficiente da tecnologia para produzir salmão – um produto estratégico para o nosso negócio – com menos impacto nos recursos naturais, contribuindo para a conservação e o uso sustentável do oceano, do mar e dos recursos marinhos. Num desafiante contexto tanto de alta pressão sobre os stocks marinhos como de segurança alimentar, acreditamos que investir nesta produção inovadora e sustentável irá também funcionar para nós como um acelerador da nossa curva de aprendizagem no que diz respeito às melhores práticas de aquacultura” afirma o presidente do Conselho de Administração e administrador executivo do Grupo Jerónimo Martins, Pedro Soares dos Santos.

 

A Andfjord Salmon tem a ambição de desenvolver as instalações de aquacultura em terra mais sustentáveis e “fish-friendly” do mundo. O sistema aberto de circulação da água (“flow through”) utilizado pela empresa pretende recriar, em terra, o habitat natural e assim produzir salmão com um consumo de energia muito baixo e com a menor pegada carbónica possível.

A empresa de produção de salmão planeia colocar os juvenis (“smolt”) na sua primeira piscina em Kvalnes, Andøya, no final deste mês. Os trabalhos de construção das próximas piscinas (fase 2) em Kvalnes estão a avançar. A Andfjord Salmon tem uma licença para produzir, em Kvalnes, 10 mil toneladas de salmão MAB (máxima biomassa permitida no sistema de produção), o que corresponde a um objetivo de volume de produção anual de 19 mil toneladas HOG (peixe eviscerado).