Quantcast
Retalho

Farfetch compra Stadium Goods por 250 milhões de dólares

Farfetch com prejuízos de 89,6 M$ no segundo trimestre

A Farfetch anunciou hoje (12 de dezembro) o acordo final para adquirir a Stadium Goods, o maior mercado de ténis e streetwear do mundo, por um valor de 250 milhões de dólares, pago em dinheiro e ações da Farfetch, com os valores exatos a serem determinados na conclusão após os ajustes habituais.

José Neves, fundador, CEO e co-presidente da Farfetch, refere, no site da principal plataforma de tecnologia global para a indústria de moda de luxo que “há uma grande oportunidade para as duas empresas alavancar forças para ir atrás de uma maior quota de um segmento de moda de luxo que é excitante e de rápido crescimento”. O português diz ainda que estar “confiante de que podemos ajudar a Stadium Goods a aumentar a sua presença internacional de sneakers no mundo através da nossa experiência em tecnologia, logística e dados”, admitindo que a Farfetch “beneficiará da marca Stadium Goods, do acesso a uma cadeia de abstecimento e de uma equipe com forte paixão e conhecimento de streetwear de luxo”.

 

John McPheters, co-fundador do Stadium Goods e Co-CEO, revela, por seu lado que “ao alavancar a melhor tecnologia e logística transfronteiriça da Farfetch, bem como o seu conhecimento do mercado de luxo, escala e base de clientes, estaremos numa posição privilegiada para aproveitar a enorme procura internacional por ténis e streetwear”.

Fundada em 2015 por John McPheters e Jed Stiller, a Stadium Goods é um marketplace premium de ténis e streetwear, especializado em produtos novos e inutilizados (nunca usados antes, em segunda mão). O mercado de roupas desportivas premium foi avaliado em 70 mil milhões de dólares, em 20171, e é amplamente incremental ao mercado atual da Farfetch.

 

A Stadium Goods participa no Marketplace da Farfetch desde abril de 2018, registando um forte crescimento de vendas desde a sua introdução na plataforma. Após a aquisição, a Stadium Goods continuará a operar como uma marca independente na plataforma da Farfetch e será liderada pela equipa de gestão existente.

De referir que a aquisição está sujeita às condições habituais pelas autoridades e deve ser concluída no primeiro trimestre de 2019.

 

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever