Quantcast
Retalho

Amazon cresce 7,2% mas continua em ‘terreno negativo’

A Amazon anunciou esta semana ter tido vendas de 237.678 milhões de dólares, cerca de 233 milhões de euros, no primeiro semestre de 2022. Este resultado representa um aumento de 7,2% face ao mesmo período de 2021, mas, ainda assim, a gigante norte-americana continua ‘no vermelho’.

Isto porque, em termos globais, a Amazon sofreu perdas líquidas de 5.872 milhões de dólares, um valor muito negativo se compararmos com o resultado entre janeiro e junho de 2021, quando registou 15.855 milhões de dólares em receitas.

 

“Apesar das contínuas pressões inflacionistas dos combustíveis, energia e transporte, estamos a progredir nos custos mais controláveis ​​que mencionamos no último trimestre, melhorando particularmente a produtividade de nossa rede de atendimento”, disse o CEO da Amazon, Andy Jessy.

“Também estamos a verificar a receita a acelerar à medida que continuamos a melhorar o serviço Prime para os nossos membros, investimos em velocidades de envio mais rápidas e adicionamos benefícios exclusivos”, acrescenta o CEO.