Tendências

Sabores tendência de 2016 revelados pela Margão

A McCormick & Company, que detém a marca Margão, voltou a apresentar as Tendências de Sabores, desta feita para o ano de 2016. De acordo com a empresa, trata-se de uma análise anual que “vem influenciar a exploração e inovação culinária global – em casa, na restauração e no retalho – nos próximos anos.”

As tendências deste ano destacam os paladares do Sudoeste Asiático, nomeadamente de países como a Malásia e as Filipinas, e a evolução do apetite do consumidor por “apontamentos picantes”. Para além disso, “em linha com o movimento para uma vida mais saudável e equilibrada”, a tendência será para ingredientes “revitalizantes e revigorantes, ricos em proteínas.”

“Desde o ano 2000, que as Tendências de Sabores têm impulsionado o interesse emergente pelos sabores mais quentes, pela descoberta de sabores asiáticos e América do Sul ou pela viagem a sabores tradicionais que ganham uma nova vida em pratos surpreendentes”, refere Carlos Antunes, da McCormick Ibéria.

Entre as tendências identificadas pela equipa de chefs e especialistas alimentares da McCormick e da Margão para este ano estão:

  • Misturas com Benefícios: Ervas e especiarias que conferem versatilidade a ingredientes benéficos;
  • Calor com Notas Ácidas: Picante com um contraste, como o molho sambal, que combina malaguetas, vinagre de arroz e alho;
  • Sabores Ancestrais: Receitas modernas vão recuperar ingredientes antigos;
  • Proteínas Alternativas: As leguminosas ricas em proteínas serão uma das opções tendência;
  • Sabores Asiáticos com um Toque Tropical: As gastronomias da Malásia e das Filipinas serão uma escolha para aqueles que procuram sabores mais arrojados;
  • Infusões Culinárias: Três técnicas clássicas de culinária irão servir de inspiração para criar bebidas – pickle, torrado e brûlée.