Consumo

Bens de Grande Consumo com vendas de 9 mil M€ em 2018

Bens de Grande Consumo com vendas de 9 mil M€ em 2018

Os Bens de Grande Consumo (BGC) cresceram cerca de 2,8% em 2018, atingindo vendas de 9 mil milhões de euros. Os dados são da Nielsen, que indica que as Marcas de Fabricante voltaram a superar as Marcas da Distribuição.

Em comunicado, a Nielsen sublinha que “no que às diferentes categorias diz respeito, existe uma grande homogeneidade entre todas elas: Alimentação (+3,1%), Higiene do Lar (+2,9%), Bebidas (+2,8%) e Higiene Pessoal (+1,3%). No setor da alimentação, o destaque vai para os produtos congelados que, tal como tinha acontecido em 2017, voltaram a crescer (+5%), comprovando uma maior procura por produtos que tragam conveniência, rapidez e simplicidade à vida dos consumidores.”

Lojas tradicionais crescem em 2018

No que diz respeito aos formatos de lojas, destaque para os Super Grandes, que registaram um crescimento de 6,7%, mas também para os Canais Tradicionais, que apresentaram um crescimento de 3,9%.

Contrariamente ao que tinha sido a tendência em 2017, em que o crescimento verificado foi praticamente equiparado, este ano os dados da Nielsen mostram uma diferença significativa na evolução das vendas das Marcas de Fabricante e das Marcas de Distribuição. No ano de 2018, as Marcas de Fabricante apresentaram um aumento de 3,3% relativamente ao período homólogo; por sua vez, as Marcas de Distribuição cresceram 1,9%.