- Distribuição Hoje - https://www.distribuicaohoje.com -

“Sentimos uma preocupação extrema com as questões ambientais e de preservação do ambiente”

Joao_Berger_Sonae_Arauco

O lançamento de uma nova coleção por parte da Sonae Arauco foi o pontapé de saída para a conversa com João Berger, Chief of Marketing & Sales Officer, da empresa. Além das constantes inovações que possam vir a ser apresentadas ao mercado, uma coisa parece clara: “este público está mais informado e tem uma preocupação muito maior em relação à proteção ambiental e à utilização responsável de todos os recursos”.

Com o tema da sustentabilidade na ordem do dia, não é de estranhar que a nova coleção soluções decorativas da Sonae Arauco – Innovus – tivesse sido produzida a partir de materiais 100% sustentáveis. A DISTRIBUIÇÃO HOJE quis saber mais sobre esta nova coleção e o que está por trás desta crescente preocupação ambiental.

A Sonae Arauco apresentou recentemente a sua nova coleção Innovus, referindo que “se trata de um passo relevante na concretização da estratégia de negócio”. Que estratégia é essa e quais os objetivos?
Estamos focados em acrescentar valor junto dos nossos clientes, seja através de produtos inovadores que diferenciem o nosso portfolio da concorrência, seja através de um apoio integrado em todas as vertentes (produto, logística, qualidade, inteligência de negócio) e sempre com uma filosofia de parcerias no longo prazo. Esta nova estratégia tem vindo a ser seguida desde 2017 e pretende posicionar-nos como a empresa de preferência para os nossos clientes, colaboradores e fornecedores, bem como para todas as entidades com quem nos relacionamos.

Neste âmbito, está a ser implementado um plano de investimentos muito significativo em várias frentes de atuação: na otimização dos nossos ativos industriais e na formação das nossas pessoas, no recrutamento de novas competências, na simplificação e melhorias dos nossos processos e sistemas de informação.

O lançamento da nova coleção é parte desta estratégia. Innovus é uma marca com um portfólio diverso e versátil, com características inovadoras, que diferenciam o nosso produto e desenvolvida em perfeito alinhamento com o que são as necessidades dos diferentes mercados onde já operamos – e também outros mercados estratégicos onde queremos penetrar. É uma coleção que oferece um match total entre laminados e painéis melamínicos e que apresenta ao mercado dois acabamentos que desenvolvemos em exclusivo, Cosmos e Flow, que virão reforçar o nosso posicionamento no mercado dos produtos decorativos.

Referem, igualmente, que a nova coleção foi desenvolvida para responder às necessidades de um público-alvo cada vez mais global. Além dessa “globalização” do público, no que é que se destaca esta coleção?
Esta nova coleção é o reflexo de uma Sonae Arauco moderna, e com grande foco nos clientes e tendências de mercado. É uma coleção global, mas foi desenhada tendo em conta as especificidades de cada mercado onde operamos, refletindo o investimento que fizemos no sentido de adotar os decorativos com desenhos arrojados, que seguem as novas tendências de decoração e arquitetura, nomeadamente em referências com padrões de madeira, pedras e unicolores. A nova coleção inclui mais de 200 decorativos e permite mais de 260 combinações com acabamentos diferenciadores, dos quais destacamos cinco novos: Stucco, de textura semelhante ao cimento, oferece um toque cerâmico numa superfície estruturada; Cosmos, inspirado na textura da pedra natural e do cimento; Flow, com linhas cruzadas suaves, que criam ondas subtis que dão à superfície um ar espontâneo e natural; Fusion, de toque quente e natural, que nos remete para a madeira trabalhada à mão; e Spirit, um acabamento expressivo, repleto de movimento e contrastes. Estas e outras opções permitiram-nos alcançar o match completo entre laminados e painéis melamínicos, o que garante múltiplas possibilidades de aplicação em diversos cenários.

Como definem este “novo” consumidor, cada vez mais exigente e informado?
Uma vez que trabalhamos com um público B2B, temos uma visão muito apoiada na nossa experiência com os parceiros de negócio, acreditamos que este público está mais informado e tem uma preocupação muito maior em relação à proteção ambiental e à utilização responsável de todos os recursos.

“Acreditamos que este público está mais informado e tem uma preocupação muito maior em relação à proteção ambiental e à utilização responsável de todos os recursos”

Os nossos clientes estão também cada vez mais atentos às tendências de mercado e, portanto, são mais exigentes na procura de soluções decorativas que sejam as mais indicadas para os seus projetos. Estão a par dos produtos que estão em voga e das combinações de materiais que vão ser assumidas nos próximos anos. As nossas equipas estão sensibilizadas para esse facto e trabalham no sentido de estar um passo à frente das tendências. A coleção Innovus é também o resultado disso.

E quais as principais tendências que podem ser apontadas a este setor de negócio?
As grandes tendências passam, sem dúvida, pela utilização de madeira de desenhos de carvalho, nogueira e estruturas exóticas, pela combinação com fantasias e pedras e também pela preferência por unicolores texturizados. Neste sentido, temos continuado a empenhar-nos em apresentar propostas que conjugam todos estes fatores e nos permitem continuar a ser uma marca de confiança nos mercados em que estamos presentes.

Sustentabilidade em toda a linha
A nova coleção apresenta, igualmente, uma taxa de renovação dos produtos decorativos superior a 40%. Que importância tem esta questão? Revelam, também, que a nova coleção permite mais de 260 combinações. Este fator de não limitar a coleção a uma única ou poucas combinações é fundamental, de modo a ir ao encontro do tal consumidor cada vez mais insatisfeito e ávido de constante mudança?
Esta é uma questão estratégica e coloca-nos numa posição reforçada no mercado, uma vez que cerca de metade das nossas referências são completamente novas e vão permitir apresentar aos clientes um vasto leque de novas opções em decorativos que, combinados com os acabamentos mais adequados face às suas características, refletem o nosso foco em criar coleções cada vez mais arrojadas, com elementos que surpreendam o mercado e permitam reforçar a nossa notoriedade.

O facto de a nova coleção Innovus apresentar mais de 260 combinações possíveis, entre decorativos e acabamentos que podem ser aplicados em múltiplos contextos e espaços, garante-nos flexibilidade de aplicação, com a correspondência total da gama em painéis melamínicos e em laminados, o que constitui mais um passo para assegurarmos que os nossos clientes têm, na nossa marca, as melhores e mais alargadas opções de escolha. Trabalhamos continuamente para garantir a satisfação absoluta dos nossos clientes.

A coleção Innovus destina-se ao público profissional. Que importância tem este mercado para a Sonae Arauco e como é que caracterizam? De onde provém a matéria-prima para a produção desta nova coleção?
A Sonae Arauco utiliza apenas madeira proveniente de florestas geridas de forma sustentável. Em Portugal, usamos essencialmente matéria-prima nacional, complementada com alguma madeira que importamos de Espanha.

Cada vez mais na ordem do dia estão também as questões ligadas à sustentabilidade, responsabilidade social, preservação da natureza e certificação. De que forma é que a Sonae Arauco vai ao encontro destas novas exigências?
Uma vez que o nosso negócio está diretamente relacionado com a utilização de recursos naturais, sentimos uma preocupação extrema com as questões ambientais e de preservação do ambiente.

Podemos resumir o nosso compromisso em matéria de desenvolvimento sustentável em três principais eixos: a valorização da madeira com certificação florestal, um modelo de bioeconomia circular (desperdício zero) e a integração contínua de madeira reciclada no processo industrial.

“Esta nova coleção é o reflexo de uma Sonae Arauco moderna, e com grande foco nos clientes e tendências de mercado”

Os painéis derivados de madeira contribuem para uma utilização sustentável dos recursos das nossas florestas. Quando usados para propósitos de construção, os painéis derivados de madeira atuam como sumidouros de carbono, ajudando a reduzir as emissões de CO2. E, no seu fim de vida, podem ser reciclados e transformados em novos produtos, num contínuo processo de reciclagem.

Todas as nossas 13 unidades industriais possuem diversas certificações relacionadas com o ambiente, a qualidade e a segurança e saúde no trabalho.

Onde são comercializados os produtos/coleções da Sonae Arauco e, mais concretamente, esta nova coleção Innovus? Que peso já tem a exportação para a Sonae Arauco e quais os principais mercados internacionais?
A Sonae Arauco comercializa atualmente os seus produtos em 80 países, especialmente na Península Ibérica, no norte da Europa e na África do Sul. Sendo que a exportação tem um peso muito relevante.

Em termos de peso de faturação, quanto vale o mercado nacional vs internacional?
Portugal, juntamente com Espanha, representa cerca de 1/3 do volume de faturação da Sonae Arauco.

Apesar de esta coleção estar a ser lançada neste preciso momento, com que regularidade “renovam” as coleções e quando é que o consumidor poderá esperar novidades?
A coleção Innovus é um produto pensado para ser renovado a cada quatro anos. Desde o seu primeiro lançamento no mercado, em 2011, tem vindo a passar por diferentes momentos de evolução, destacando-se o lançamento constante de novos acabamentos.

Além disso, a coleção Innovus é igualmente alvo de atualizações significativas na sua oferta a cada dois anos. Este trabalho constante de procura de novas soluções decorativas e de acabamentos inovadores surge no sentido de responder às mais recentes tendências mundiais do setor e é feito sempre em alinhamento com os clientes, que carregam consigo uma enorme experiência e conhecimento de negócio.

Esta entrevista foi, originalmente, publicada na edição 477 da revista DISTRIBUIÇÃO HOJE.