Quantcast
Retalho

Auchan vende posição na filial chinesa à Alibaba por 3 mil milhões de euros

sunart_auchan_alibaba

O grupo francês Auchan Retail anunciou a venda da sua filial chinesa SunArt à Alibaba por um valor a rondar os 3 mil milhões de euros.

A Auchan explica, em comunicado, que aceitou a proposta da Alibaba para a compra da sua participação, três anos após ter assinado a aliança para o desenvolvimento do retalho alimentar phygital na China e “quando ambas as partes perceberam a natureza única do mercado chinês”. Assim, o acordo estabelece que a Alibaba adquire a totalidade da posição da Auchan Retail na SunArt que detém 484 hipermercados, 150.000 colaboradores e a maior quota de mercado no alimentar da China.

De referir que a Auchan Retail detinha 36,18% do capital da SunArt, enquanto a Alibaba possuia 36,16% da insígnia que, em 2019, obteve receitas na ordem dos 12,5 mil milhões de euros.

Embora a parceria entre a Auchan Retail e Alibaba termine na SunArt, ambas as companhias “permanecerão comprometidos com colaborações tecnológicas e continuarão a pesquisar oportunidades para ações conjuntas em países onde Auchan Retail está presente, agora e no futuro”, lê-se no comunicado do retalhista gaulês.

A transação, que foi realizada a um preço de 8,10 dólares Hong Kong (cerca de 90 cêntimos) por ação vem acelerar o lançamento do seu plano de negócios “Auchan 2022” nos locais existentes, informando o grupo que, “com estes 3 mil milhões de euros haverá os recursos financeiros para desalavancar o negócio, aproveitar as oportunidades relevantes nos mercados e desenvolver a atividade em novos países”.

“Há 20 anos, em estreita colaboração com nossos parceiros locais Ruentex e Alibaba e graças ao compromisso das nossas equipes chinesas, temos apoiado o desenvolvimento das nossas atividades na China. Este mercado inspirador é altamente específico tanto na sua operação quanto nos seus ecossistemas digitais. Como tal, parecia-nos que a Alibaba estava melhor posicionada para fazer crescer a SunArt”, revela Edgard Bonte, presidente da Auchan Retail, no comunicado que acompanha a informação desta operação.