Feiras

Alimentaria Barcelona só em maio de 2021

Alimentaria_Barcelona_2020

Depois do anúncio do adiamento da realização da Alimentaria&Hostelco Barcelona de abril para setembro de 2020, aí está novo adiamento, desta feita para maio de 2021.

Segundo a organização do evento, chegou-se a um entendimento com a indústria, “em resposta a pedidos das principais empresas e associações do setor”, com o objetivo de realizar o evento no próximo ano “com a maior participação e internacionalidade possíveis”.

Assim, a Alimentaria&Hostelco Barcelona tem datas marcadas para 17 a 20 de maio de 2021.

O presidente da Alimentaria, Josep Lluís Bonet, destacou que “a decisão vai ao encontro da maior parte indústria produtiva e associativa do setor, comprometendo-se a realizar o evento num ambiente mais favorável e sem tantas limitações à mobilidade internacional”.

Antonio Valls, diretor-geral da Alimentaria Exhibitions, “está aberto um novo cenário que permite prever uma grande edição para maio de 2021, com a cumplicidade do setor, com um alto grau de internacionalização e uma reativação da procura internacional, tão necessária tanto para a indústria quanto para a própria feira”.

Constantí Serrallonga, diretora-geral da Fira de Barcelona, explica que a data foi escolhida após uma avaliação em profundidade a situação e se ter ouvido o setor, “afim de garantir o melhor desenvolvimento de um projeto tão relevante”.

No entanto, nos dias 28 e 29 de setembro, está previsto um fórum, no Centro de Conferências Fira de Barcelona, sobre o futuro da indústria agroalimentar, restaurantes, hotéis e turismo, setores-chave da economia, todos representados nas feiras Alimentaria, Hostelco e Fòrum Gastronòmic.

Refira-se, também, que depois de conhecida a decisão da Alimentaria de Lisboa mudar de nome, devido ao final da parceria com a Alimentaria de Barcelona, ainda não é conhecida a data para o novo evento que substituirá a Alimentaria&Horexpo Lisboa, realizada na FIL, em Lisboa.

Recorde-se que a organização dos dois eventos – Lisboa e Barcelona – seguia sempre uma premissa de não chocarem em termos de datas, ou seja, se o evento da Catalunha era realizado em ano par, a organização em FIL era sempre em ano ímpar.

Com este avanço da Alimentaria de Barcelona para ano ímpar, poderá dar-se o caso de um choque de datas, embora não se conheça qualquer decisão, nem nome do evento, por parte da organização lusa.