Retalho

Vendas do retalho caem em julho

O índice de volume de negócios no comércio a retalho registou uma quebra de 2,2% em julho, de acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

O índice de volume de negócios no comércio a retalho registou uma quebra de 2,2% em julho, de acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas ajustadas de efeitos de calendário, por sua vez, apresentaram taxas de variação homóloga de 3,1%, 2,9% e 0,6%, respetivamente, face a 3,0%, 5,1% e 0,8% em junho.

De acordo com o INE, para a quebra das vendas no retalho contribuíram os Produtos Alimentares e Produtos não Alimentares, com uma diminuição de vendas de 0,6% e 1,0%, respetivamente.