Produção

Valados de Melgaço desafia chefs a harmonizar ‘cabeças’ com vinho verde tinto

Valados de Melgaço desafia chefs a harmonizar ‘cabeças’ com vinho verde tinto

A Valados de Melgaço desafiou dois chefes portugueses – Leopoldo Garcia Calhau e Alexandre Albergaria Diniz – a preparar um jantar em que o objetivo é harmonizar o Vinho Verde tinto da Valados de Melgaço com cabeças de borrego, porco, bacalhau e cogumelos.

“Em destaque estará o Quinta de Golães tinto, produzido através de métodos artesanais a partir de castas típicas da região, provenientes das vinhas velhas da quinta. Apresenta-se como um vinho tinto de cor vermelho rubi, com aromas predominantes a frutos vermelhos e silvestres, ligeiramente encorpado e macio. O menu tem um valor de 40 euros por pessoa”, revela o produtor.

Para o chef Leopoldo Garcia Calhau, “este é um jantar peculiar, não só pelo produto que estamos a trabalhar, as cabeças, como pelo vinho que acompanha, um vinho tinto especial da região dos Vinhos Verdes.”

Valados de Melgaço desafia chefs a harmonizar ‘cabeças’ com vinho verde tinto

“Esta é uma oportunidade para dar a conhecer ao público lisboeta os vinhos da Valados de Melgaço, nomeadamente o Quinta de Golães tinto. Os vinhos tintos da Região dos Vinhos Verdes estão a ganhar um protagonismo nacional e internacional cada vez maior, pela sua originalidade, sendo que acreditamos que este vinho se tornará em breve um caso de sucesso e redescoberta entre os enófilos que buscam novas sensações vínicas”, acrescenta Artur Meleiro, produtor da Valados de Melgaço.