Produção

Cuizeat: há uma nova plataforma de planeamento de refeições em Portugal

Cuizeat: há uma nova plataforma de planeamento de refeições em Portugal

Acaba de ser lançada, em Portugal, a Cuizeat, uma plataforma que pretende promover uma forma mais simples e conveniente de planear e cozinhar refeições saudáveis em casa. O serviço combina a aquisição de receitas de nutricionistas, chefs e outros especialistas em alimentação saudável com a entrega ao domicílio dos respetivos alimentos.

Bernardo Sousa de Macedo, Jay Wong e João Cavaco são os responsáveis pela plataforma que pretende ajudar no planeamento de refeições saudáveis e aquisição dos respetivos ingredientes sem sair de casa.

“O feedback tem sido muito positivo. Os clientes agradecem a inspiração para novas receitas, o tempo que poupam no planeamento e nas compras de alimentos, o apoio que damos na confeção de refeições saudáveis e o facto de proporcionarmos momentos de qualidade em família pois acabam por cozinhar em conjunto”, afirma Jay Wong.

“Adaptado a um estilo de vida urbano e com ritmos mais acelerados, a Cuizeat é uma combinação da agilidade das plataformas de base tecnológica de entregas de comida e da conveniência dos serviços de entregas de alimentos ao domicílio fornecidos pelos supermercados, com as vantagens de ter o carimbo de um Expert – os nutricionistas, chefs e food bloggers registados que elaboram as receitas disponíveis na Cuizeat –  e a garantia de apenas trabalhar com produtos e marcas regionais e nacionais”, revelam ainda os responsáveis pela ideia.

A Cuizeat já distribuiu mais de 3 mil refeições em fase Beta e garante já ter maturidade para ser uma solução viável e alternativa para refeições saudáveis. “As encomendas já estão disponíveis para a Grande Lisboa e são feitas em cuizeat.com. Nesta plataforma estão visíveis os preços individuais dos produtos, que estão em linha com os preços de supermercado. A plataforma, que pretende chegar rapidamente a outras cidades do país e expandir atividade para Espanha, conta já com 85 receitas e, até ao final de outubro, terá 140 disponíveis para todo o tipo de alimentação – saudável e tradicional, à base de plantas, isento de glúten, detox, baixas calorias, por exemplo. Tem mais de 30 fornecedores e 90 marcas locais e regionais”, dizem ainda os responsáveis.