Produção

UE produz 6,5 milhões toneladas de laranja em 2018. Portugal fica-se por 340 mil toneladas

UE produz 6,5 milhões toneladas de laranja em 2018

A União Europeia (UE) produziu, em 2018, 6,5 milhões de toneladas de laranja, tornando-se na maior produção desde 2010.

Num mercado onde os nossos vizinhos espanhóis dominam, com uma produção superior a 3,6 milhões de toneladas, o que equivale a 56% do total da produção de todos os Estados-Membro, Portugal não foi além das 340 mil toneladas numa área de 17 mil hectares quando Espanha apresenta-se com uma área total de produção de laranja perto dos 140 mil hectares.

De resto, no espaço europeu a área dedicada à produção de laranja, em 2018, foi de 273 mil hectares, o que significa que Espanha detém mais de metade da área global.

Os restantes grandes players no mercado da laranja são Itália, com uma produção de 1,6 milhões de toneladas (24% do total europeu) numa área de 82 mil hectares, seguida da Grécia com 913 mil toneladas (14% de quota) e uma área de 31 mil hectares.UE produz 6,5 milhões toneladas de laranja em 2018_3

No que toca à exportação, os dados do Eurostat mostram que a União Europeia exportou quase 2,7 milhões de toneladas de laranja no valor de 1,9 mil milhões de euros, em 2018. A maioria destas exportações (2,3 milhões de toneladas, o equivalente a 88% do total) foram intra-UE, ou seja, para países dentro da União Europeia. No que toca às exportações extra-UE, Espanha ocupa (naturalmente) o primeiro lugar, com 161 mil toneladas (51% do total das exportações para fora da UE).

UE produz 6,5 milhões toneladas de laranja em 2018_3

Portugal exportou para dentro da União Europeia cerca de 130 mil toneladas de laranja, correspondendo a aproximadamente 95 milhões de euros, enquanto para fora do espaço europeu, Portugal vendeu 1,9 milhões de euros, o que equivale a quase 2,5 mil toneladas.

No campo das importações, Portugal importou de fora da UE mais de um milhão de toneladas de laranja no valor de 72 milhões de euros, enquanto do espaço intra-europeu chegaram a terras lusas 500 mil toneladas de laranja num total de 21 milhões de euros.

Globalmente, a União Europeia importou 1,1 milhões de toneladas de laranja no valor de 700 milhões de euros de países extra-comunitários. Cerca de três quartos dessas importações vieram da África do Sul (465 mil toneladas) ou Egipto (328 mil toneladas). Contudo, a UE importa laranjas de países como Marrocos (89 mil toneladas), Argentina (44 mil toneladas), Zimbabué (39 mil toneladas), Turquia (29 mil toneladas) ou Uruguai (27 mil toneladas).